Lula cita possíveis substitutos para 2018

 

Por Letícia Valadares

O ex-presidente Luís Inácio Lula da Silva falou na última sexta-feira (18), sobre a possibilidade de não disputar as eleições de 2018 e sugeriu alguns substitutos. Em uma entrevista para a Rádio Metrópole, de Salvador, Lula, argumentou que “o golpe não fecha” sem o seu impedimento eleitoral e citou o ex-governador da Bahia, Jaques Wagner, os governadores Fernando Pimentel, da Bahia, Rui Costa, do Ceará, Camilo Santana, e do Piauí, Welington Dias, como possíveis substitutos caso seja condenado.

“A gente tem (Jaques) Wagner, que tem um pedigree político como ninguém tem nesse País. O cara que acabou com o carlismo (domínio da política local pelo grupo do ex-governador da Bahia Antônio Carlos Magalhães), se elegeu duas vezes. Tem Rui (Costa) que está indo maravilhosamente bem. Ontem vi o carinho do povo com ele, um carinho assim de gente grande. Então, na hora que for necessário escolher, a gente escolhe”, afirmou Lula.

Apesar de Haddad não ter sido citado, a decisão dele substituir o ex-presidente divide o PT. Na semana passada em entrevista ao Estado de S.Paulo, Lula afirmou que o ex-prefeito de São Paulo terá a função que quiser durante a campanha.

*Sob supervisão de Lucas Lyra.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *