STF abre investigação contra Renan Calheiros

Por Letícia Valadares

O ministro do Supremo Tribunal Federal (STF), Luís Roberto Barroso, recebeu o pedido da Procuradoria Geral da República (PGR)  que autoriza a abertura de inquérito para investigação do suposto esquema de corrupção que envolve o senador Renan Calheiros (PMDB-AL).

O esquema funcionava no fundo de pensão dos funcionários dos Correios, o Postalis. O ministro determinou o prazo de 60 dias para a Polícia Federal (PF) investigar o caso.

Renan já é alvo de outras investigações na Operação Lava Jato, por suspeita de envolvimento em esquemas na Petrobras e na Transpetro.

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *