Ex-secretário do Rio Marcelo Bretas “cai nas garras” da Lava-Jato  

Por Letícia Valadares

O juiz da 7ª Vara Federal Criminal, Marcelo Bretas, aprovou a denúncia feita pelo Ministério Público Federal do Rio de Janeiro, contra o ex-secretário de Obras da gestão do ex-prefeito Eduardo Paes, Alexandre Pinto, e mais 10 investigados, por suspeita de um esquema de corrupção que teria desviado R$ 36 milhões em obras da Transcarioca e da recuperação da Bacia de Jacarepaguá.

As prisões dos investigados aconteceu no dia 3 de agosto durante a Operação Rio 40 Graus, desdobramento da Operação Lava Jato.

De acordo com a denúncia, o esquema era repetido na Secretaria Estadual de Obras do município.

Os 10 investigados que viraram réus na operação além de Alexandre são: Laudo Aparecido Dala Costa Ziani, Vanuza Vidal Sampaio, Eduardo Fagundes de Carvalho, Ricardo da Cruz Falcão, Alzamir de Freitas Araújo, Carlos Frederico Peixoto Pires, Antonio Carlos Bezerra, Alexandre Luiz Aragão da Silva, Antonio Cid Campelo Rodrigues e Reinaldo Assunção Silva.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *