Temer deve passar a tarde recebendo líderes visando a votação da denúncia

Por Lucas Lyra

 

O presidente Michel Temer (PMDB-SP) deve passar a tarde desta segunda-feira (23) recebendo líderes políticos e aliados no Palácio da Alvorada, articulando apoio para a votação da denúncia contra o paulista, a ser votada nesta quarta-feira (25) no plenário da Câmara dos Deputados.

A equipe de Temer busca mapear os votos entre as bancadas da Câmara para contemplar os pedidos de emendas e cargos ainda não atendidos. Até o dia da votação, o presidente deve intensificar essas reuniões para garantir pelo menos 171 votos, ou 1\4 do plenário, suficiente para barrar a denúncia.

“A partir de agora é uma reunião atrás da outra, não é permitido salto alto”, afirmou o deputado Darcísio Perondi (PMDB-RS).

O vice-líder do governo na Câmara, Beto Mansur (PRB-SP), um dos maiores articuladores de Temer na Casa, diz acreditar em um resultado próximo da primeira denúncia contra o presidente, reprovada no dia 2 de agosto, com 263 a favor do paulista.

“Quem já votou na primeira denúncia está consciente que o país precisa virar a página. O total de votos vai variar pouco na comparação com a denúncia anterior”, prevê Mansur.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *