Dirceu avança com pedido de aposentadoria que pode alcançar R$ 17 mil

Por Gabriela Mestre

Com supervisão de Lucas Lyra

O ex-deputado cassado pela Câmara em 2005 por envolvimentos no mensalão, José Dirceu (PT), pode receber da mesma Casa uma aposentadoria que ultrapassa R$ 9.500. Dirceu recorreu ao benefício em abril desse ano, recebendo parecer favorável pela Coordenação de Registro e Seguridade Parlamentar da Câmara em novembro.

Também ex-ministro-chefe da Casa Civil no governo de Lula (PT), O ex-parlamentar foi condenado pela Lava Jato a 30 anos de cadeia, mas o Supremo Tribunal Federal (STF) decidiu afastá-lo da prisão. A Coordenação alegou que a perda de mandato sofrida por Dirceu não anula seus 35 anos de contribuição à Previdência Social.

Caso a Câmara valide como parte do tempo de contribuição os 11 anos em que o ex-deputado esteve anistiado, a aposentadoria pode valer R$ 17 mil. A decisão depende do presidente da Casa, Rodrigo Maia (DEM-RJ), que ainda não analisou o parecer.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *