Sérgio Moro diz que Brasil não será porto seguro para criminosos

O ministro da Justiça e da Segurança Pública, Sérgio Moro, disse nesta quarta-feira (02) que o Brasil não será “porto seguro” para criminosos. Ele afirmou, ainda, que o Brasil não negará cooperação em investigações por “motivos político-partidários”.“Não deve haver portos seguros para criminosos e para o produto de seus crimes. O Brasil não será um porto seguro para criminosos e jamais, novamente, negará cooperação a quem solicitar por motivos político-partidários”, disse Sérgio Moro. Para Moro, o desvio de recursos públicos atinge os “mais vulneráveis”.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *