Ministros do Supremo Tribunal Federal e alguns parlamentares querem restringir a atuação da Receita Federal.

O Estado de S.Paulo registrou o agravamento da crise da Venezuela na primeira página do jornal de hoje, mas destacou no título principal que ministros do Supremo Tribunal Federal (STF) brasileiro e alguns parlamentares estudam a elaboração de um projeto de lei que restrinja a atuação da Receita Federal.

De acordo com o matutino, a atuação da Receita em um caso envolvendo dados do ministro Gilmar Mendes iniciou um movimento dentro do STF para rever as atividades permitidas à Receita Federal. O pensamento dos ministros é de que os auditores têm avançado o sinal no campo criminal.

Segundo o Estadão, o presidente da Câmara, deputado Rodrigo Maia (DEM-RJ), seria um aliado dos ministros do STF para fazer o projeto se tornar real no Legislativo.

O Estadão lembra que o ministro Dias Toffoli, presidente do STF, criticou o nível de detalhamento das explorações bancárias feitas pelo fisco em evento no Sindifisco. “STF e parlamentares querem restringir atuação da Receita”, diz o título principal do Estadão.

Fonte: G1

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *