Deputado Emanuel Pinheiro Neto cobra retomada das obras do Hospital Júlio Müller

Da Redação

Após a Câmara dos Deputados aprovar um requerimento para criação de uma Comissão Especial para avaliar as obras públicas paradas em todo Brasil. o deputado federal Emanuel Pinheiro Neto (PTB) usou a tribuna para elogiar a iniciativa e lembrou que em Mato Grosso, conforme levantamento do Tribunal de Contas do Estado, existem cerca de 400 obras paradas, destacando as obras do Hospital Júlio Müller.“Aqui eu faço uma solicitação de público ao governador Mauro Mendes quanto ao Hospital Júlio Müller, que fica na saída de Cuiabá para Santo Antonio do Leverger, especialmente em um cenário onde o pronto socorro de Cuiabá e de Várzea Grande tem em seus leitos mais de 60% de pacientes que não são da capital e nem de Várzea Grande, e sim do interior”, afirmou o deputado ao usar a tribuna da Câmara.

O parlamentar lembra que o pacto federativo dilacerado faz com que os prefeitos do interior não tenham condições de custear mais que a atenção básica, e partem para a chamada ambulanciaterapia, que é quando se compra a ambulância e manda os pacientes para a Capital, sendo que existe a possibilidade de retomada das obras do Júlio Müller, com um trunfo, que seria o custeio pelo MEC.“Com o Júlio Müller não impactaria a folha do município de Cuiabá, não vai impactar a folha de Leverger e nem do Estado de Mato Grosso, mas vai ser especialmente o recurso transferido, direto e constantemente pela União”, frisou o deputado, que lembra que nos quatro anos da gestão passada nada foi feito e que o hospital está com recurso em conta e nada da retomada das obras.

Ainda em seu pronunciamento, Emanuel Pinheiro Neto esclareceu ainda que “por isso que faço de público a solicitação, encarecida e preocupadamente ao governador Mauro Mendes para que junto com a bancada federal, junto com a bancada estadual, possamos estabelecer um debate, viabilizar o que falta de recurso e que possamos inaugurar esse hospital que não vai atender somente a Baixada Cuiabana. Vá no pronto socorro da Capital e vai encontrar pacientes de Juscimeira, de Denise, Nova Canaã, de todas as regiões do Estado”.

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *