Bolsonaro viaja para inaugurar obras iniciadas nas gestões Lula e Dilma

O presidente preparou o lançamento de 33 ações para o próximo semestre, mas a maior parte delas saíram do papel em governos anteriores

Bolsonaro tem tratado essas obras como feitos de seu governo. E, apesar da pandemia do novo coronavírus, está rodando o país em inaugurações agendadas pelos ministérios da Infraestrutura e do Desenvolvimento Regional.
O levantamento feito pela Folha trata apenas de obras da pasta de Tarcísio de Freitas. Em outubro de 2019, em uma audiência na comissão do Meio Ambiente, no Congresso, o ministro defendeu a iniciativa de entregar obras que começaram em outros governos.

Da Redação

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *