Adeus, amigo e irmão Ricardo

Por João Pedro Marques

 

O nosso amigo Ricardo Corrêa, nascido em 07 de agosto de 1942, mineiro de Uberlândia, porém era mato-grossense por opção e de coração, pegou um voo para o céu.

Amigo fiel, gente do bem, vai reencontrar grandes amigos lá no além.

Saudades estão hoje muitos já sentindo;
Do riso fácil de quem nunca foi tímido;
Do abraço fraterno e do sorriso;
Da alegria de viver do cara liso.

Jota Barreto e Bosquinho Araújo, entre outros, que partiram na frente e eram grandes amigos. Estão preparando a chegada do irmão com a preferência que tinha pelo bom vinho, vão se reencontrar e tomar conta do paraíso, fazendo boas conversas e dando ao lugar um novo ritmo.

Ricardo José Santa Cecilia Corrêa vai ficar de Deus amigo íntimo;
No nome já carrega a luz do infinito;
Em breve assume a direção do firmamento:
Coloca sua grande experiência a dispor e a todo momento.

O Criador Vai chamá-lo, com certeza, para sentar na mesa da diretoria como seu conselheiro.

Adeus, Ricardo! Já estás fazendo falta aqui, pro teu amigo de fé e de grandes batalhas, dentre tantos e tantos amigos Brasil afora.

Deus no comando!

* JPM – João Pedro Marques, triste, hoje só amigo do Ricardo José Santa Cecilia Correia, para todos nós o Ricardo Correia, simples assim…

** Confira abaixo vídeo em que amigos homenageiam o querido Ricardo:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *